Total de visualizações de página

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

CSA apresenta treinador e jogadores para temporada 2015

Torcedor azulino marcou presença, mas criticou nº de atletas da base que irão compor elenco; direção pede paciência e técnico diz: 'Seremos campeões'
Jonathas Maresia
A direção azulina apresentou, em entrevista coletiva à imprensa, na tarde desta segunda-feira (15), os jogadores e comissão técnica para a temporada 2015, quando o CSA tem, confirmado, apenas o Campeonato Alagoano como competição oficial a disputar. A solenidade no CT Gustavo Paiva, no Mutange, reuniu dirigentes e torcedores, que acompanharam, atentos, a apresentação dos profissionais que formarão o elenco azulino para a competição com início no próximo dia 18 de janeiro. Para o CSA, o maior objetivo, no ano que vem, é chegar às finais Estadual para, com isso, garantir-se na Série D do Brasileiro.

Contudo, parte da torcida presente demonstrou insatisfação com o número de atletas da base: 12 do total de 23. Três dos reforços devem chegar ainda hoje, a exemplo do experiente goleiro João Paulo, que vem do futebol paulista. Além dele, o lateral esquerdo Fabiano (já com passagem pelo CSA) e o volante Thiago Conceição (ex-Bangu-RJ) ainda estão viajando - deixaram o Rio de Janeiro de automóvel.

Durante a apresentação, quatro jogadores da base foram cortados - o goleiro Manoel, além de Luiz Adriano, Arthur e Casinha. Segundo o dirigente Pedrinho Tenório, um dos cortes (goleiro Manoel) foi motivado por empréstimo, enquanto que a motivação das outras três desistências não foi revelada.

Na oportunidade, o presidente do CSA, Roberto Mendes, pediu o apoio de todos os azulinos e destacou a importância do atual momento para o clube. "Trata-se de um momento muito importante porque, hoje, estamos começando mais uma etapa do nosso trabalho. A torcida cobra, e com razão, um time competitivo, e estamos trabalhando para que isso aconteça. Acredito que nosso trabalho está no caminho certo. Teremos mais determinação e compromisso com o CSA em 2015", salientou.

A comissão técnica, que tem à frente Ronaldo Bagé, será formada ainda por dois auxiliares técnicos: Jairo Santos e Jadson Oliveira. Já sobre as críticas no tocante aos atletas da base, o presidente azulino disse que a mescla de jogadores é necessária. "Vamos contratar mais jogadores se necessário for. O CSA vem com tudo em 2015 porque esta torcida merece", afirmou o dirigente.

Já o treindor azulino pediu paciência à torcida que tomou a sala de imprensa do Mutange. "Seremos campeões em 2015. Acreditem neste time. Estes jogadores são muito competitivos. Podem esperar", assegurou Bagé, que é gaúcho, tem 54 anos e estava no Cianorte do Paraná, tendo passado também por clubes como Guarany de Sobral, Moto Clube, Remo, Icasa e Salgueiro, além de defendido equipes do Catar e Arábia Saudita.



segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Em êxtase, Massa quebra protocolo no pódio e agradece: 'Devo isso a vocês'

Após fortes emoções na corrida, piloto da Williams comemora terceiro lugar no GP do Brasil e dedica resultado a fãs que compareceram a Interlagos

GloboEsporte.com
Foi um GP do Brasil de fortes emoções para Felipe Massa. Depois de largar em terceiro, o brasileiro da Williams viu o 3º lugar ser ameaçado duas vezes, uma após sofrer uma punição e outra após entrar no box da McLaren erradamente. Mas graças a um ritmo alucinante, tudo foi recompensado e, no fim, ele pôde celebrar o pódio diante de sua torcida.

Nas arquibancadas, os gritos de “ole, ole, olá, Massa, Massa”. Embaixo do pódio, a esposa Raffa e o filho Felipinho deixavam o brasileiro ainda mais emocionado. Na cerimônia de premiação, conduzida pelo tricampeão Nelson Piquet, Massa celebrou o final feliz:

- Estou tão feliz pela corrida. Houve alguns erros, levei uma punição de 5s, depois parei no box da McLaren porque tinha cores parecidas e era perto da minha garagem. Mas o carro estava fantástico, estava muito feliz com o ritmo – disse, em inglês, em razão da regra da FIA, que estabelece que os pilotos falem em inglês na entrevista no pódio.

Mas em seguida, decidiu quebrar o protocolo e falar diretamente para a torcida, que gritava “eu sou brasileiro com muito orgulho, com muito amor”.

- Agora vou falar português, porque estou cansado desse inglês daqui. Estou feliz da vida com a corrida. Não consigo segurar a emoção com essa torcida maravilhosa. É um prazer estar aqui com vocês. Esse lugar está dentro do meu coração. Cresci aqui, passei a maior parte da minha vida aqui. Devo isso a vocês e a essa pista maravilhosa. Muito obrigado por tudo. Essa energia vem de vocês, muito de vocês – bradou, levando a torcida ao delírio.


Foi a quinta vez que Massa subiu ao pódio no Brasil. O brasileiro venceu os GPs de 2006 e 2008, chegou em segundo em 2007 e em terceiro em 2012.


Massa também elogiou o comportamento da torcida, que entendeu que ele não tinha equipamento para brigar pela vitória com as Mercedes, e comemorou o terceiro lugar:

- O resultado de hoje foi uma vitória para mim. Eu não tinha carro para lutar contra a Mercedes. A torcida entendeu isso e mostrou que o torcedor brasileiro evoluiu e me deu essa grande emoção - declarou.

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

Dunga convoca Souza para a vaga de Ramires, e Marcelo Grohe é chamado

Volante vai para China e Cingapura na vaga de jogador do Chelsea, lesionado. Goleiro do Grêmio viaja por precaução, e Jefferson segue no grupo
Globoesporte.com
O técnico Dunga precisou convocar dois jogadores para os próximos compromissos da seleção brasileira. O volante Souza, do São Paulo, foi chamado para a vaga de Ramires, do Chelsea, cortado por conta de uma lesão no quadril. O goleiro Marcelo Grohe, do Grêmio, também ganhou uma oportunidade. Apesar de uma luxação no dedo mínimo da mão esquerda, Jefferson, do Botafogo, foi mantido no grupo chamado para os dois compromissos na Ásia.

No dia 11, em Pequim, na China, o Brasil vai encarar a Argentina, pelo Superclássico das Américas. Três dias depois, o rival será o Japão, em Cingapura. Essa é a primeira vez dos dois jogadores na Seleção principal.

Grohe, de 27 anos, não leva gol no Campeonato Brasileiro há oito jogos - 743 minutos. Na lista dos dez goleiros menos vazados da história da competição, o arqueiro do Grêmio aparece na nona colocação. A CBF divulgou um comunicado explicando a convocação do jogador do tricolor gaúcho e afirmou que Jefferson está em boas condições. Segundo a entidade, o atleta foi chamado por conta da longa duração da viagem até a China.

Pela seleção brasileira, Souza disputou o Mundial Sub-20 em 2009. Neste ano, pelo São Paulo, o jogador tem 38 jogos e quatro gols marcados. É a primeira temporada dele no Morumbi, depois de surgir no Vasco, atuar pelo Porto, de Portugal, e se destacar pelo Grêmio.

- Estava no dentista e estou muito surpreso com a convocação. Quando cheguei ao dentista, os assessores do São Paulo me ligaram falando da notícia. Estou feliz de servir a Seleção. É um sonho de criança. Costumo dizer que as pessoas acreditavam nessa chance mais do que eu mesmo. Eu não acreditava tanto e preferia não me iludir ou me decepcionar. Chegou num momento ótimo. Agradeço ao São Paulo, ao time que está jogando, ao meu filho que acabou de nascer. Depois do nascimento dele, eu passei a fazer gols. Vou curtir essa notícia e espero ajudar a seleção brasileira - disse o jogador, por telefone.

A seleção viaja a Pequim na madrugada deste domingo, dia 5. Assim, o volante desfalcará sua equipe nas partidas dos dias 8, contra o Atlético-PR, e 12, quando o São Paulo pega o Atlético-MG. Ele também fica fora do duelo de volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana com o Huachipato, no Chile, dia 15. Como venceu o jogo de ida por 1 a 0, nesta semana, a equipe pode empatar ou até perder por um gol de diferença, desde que marque ao menos uma vez.

quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Lateral esquerdo Gleidson troca CRB pelo ABC

Gazetaweb - texto de Francisco Cardoso


O CRB, que no último fim de semana teve um sério desfalque em virtude do acidente sofrido em casa pelo meia Alex William, agora perde em definitivo outro jogador, já que o lateral esquerdo Gleidson se desligou do clube e está indo defender o ABC - equipe que disputa Campeonato Brasileiro da Série B.

Na segunda passagem pelo clube, Gleidson retornou ao CRB no início do ano e participou de todas as competições disputadas pelo Galo praiano em 2014: Copa do Nordeste, Copa do Brasil, Campeonato Alagoano e Campeonato Brasileiro da Série C. Porém, com a chegada do técnico Ademir Fonseca, ele foi perdendo espaço e, atualmente, era a terceira opção para a lateral esquerda.

Sem espaço, o jogador entrou em acordo com o clube e está indo embora. Em princípio, para a posição, o CRB não vai contratar ninguém porque já conta com João Victor e Cristiano.

Sobre treinamentos, o elenco regatiano agora só volta a trabalhar nesta quinta-feira, já que a tarde desta quarta é de folga. A viagem para o interior pernambucano será às 8h30 de sexta. O duelo decisivo, pela Série C, contra o Salgueiro será às 16h do domingo, no Estádio Cornélio de Barros.

Campeão sub-15

E o CRB acaba de conquistar mais um título nesta temporada. Na tarde desta quarta-feira, no Estádio Nelson Peixoto Feijó, a equipe comandada pelo treinador Luiz Guilherme derrotou o Arapiraca por 4x3 no segundo e último jogo das finais do Alagoano Sub-15. O Galo praiano, que, no sábado passado, na cidade de Arapiraca, já havia vencido por 1x0, precisava, no jogo da volta, apenas empatar para levantar a taça.

terça-feira, 23 de setembro de 2014

'Elétrico', Neymar volta a treinar e deve jogar contra o Málaga na quarta

Depois de deixar o jogo com o Levante sentindo incômodo no tornozelo, craque do Barça mostra disposição em atividade e não preocupa comissão técnica
GloboEsporte.com
Foi só um susto. Depois de sair no meio do jogo contra o Levante, no último domingo, e de ter relatado incômodo no tornozelo esquerdo, Neymar não deverá desfalcar o Barcelona contra o Málaga, nesta quarta-feira, pela quinta rodada do Campeonato Espanhol. O atacante treinou na manhã desta terça-feira, foi um dos que mais se movimentaram na Ciudad Deportiva Joan Gamper, e mostrou que a lesão está superada.

O Barcelona ainda não divulgou o comunicado médico com a liberação do atleta, e deve fazê-lo na manhã de quarta-feira. Mas Neymar passou por sessões de fisioterapia na segunda-feira e participou da última atividade do Barça sem demonstrar dor. Rafael Martini, fisioterapeuta particular de Neymar, observou o treinamento das arquibancadas, ao lado de Ricardo Rosa, preparador físico que se desligou do Santos na semana passada, e visita Barcelona.

Neymar esteve 'elétrico' no treino. Chegou até a dar uma 'voadora' de brincadeira no colega Mascherano, depois de não conseguir roubar a bola no bobinho. O clima no treino em geral foi quente, apesar do dia frio. De Messi a Douglas, todos davam risadas, mas não sem razão. O Barcelona é o primeiro colocado do Espanhol, com 100% de aproveitamento e nenhum gol sofrido em quatro jogos.

O meia croata Rakitic, se recuperando de contusão no pé esquerdo, também esteve em campo, mas, assim como Neymar, não recebeu alta médica.

O quinto confronto pelo campeonato nacional será fora de casa, em Málaga, às 17h (horário de Brasília). Neymar pode ter a oportunidade de, pela primeira vez na competição, jogar uma partida completa. Com três gols marcados em três jogos, ele é o artilheiro do time no Espanhol ao lado de Lionel Messi. A lista de convocados será divulgada pelo técnico Luis Enrique no dia do jogo.

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

CRB empata com o Águia-PA no Rei Pelé e retoma vice-liderança

Galo, porém, vacila no segundo tempo e desperdiça chance de encaminhar classificação na Série C, vendo adversários diretos se aproximarem
Bruno Soriano
Atualizado às 18h29

O CRB tinha tudo para seguir tranquilo na briga por vaga na segunda fase da Série C, encaminhando sua classificação com mais três pontos diante de seu torcedor.


A busca pela vitória até que começou bem, com Diego Clementino abrindo o placar na primeira etapa, mas o Galo vacilou no tempo seguinte, cedendo o empate em 1x1 ao Águia-PA, na tarde deste domingo, pela 16ª rodada da competição, e desperdiçando a chance de abrir ligeira, mas importante vantagem sobre os concorrentes diretos.

Com o resultado, o Galo - cujo time, no retorno do artilheiro Magrão, voltou a deixar o campo sob vaias - retoma a vice-liderança do grupo A, agora com 24 pontos. Contudo, vê Botafogo-PB (3º colocado) e Salgueiro-PE (4º) - que venceu seu jogo fora de casa -, encostarem, ambos também com 24. O detalhe é que o CRB supera os rivais apenas no saldo de gols.

Como se não bastasse, outros dois adversários, ASA e Cuiabá, também venceram fora de casa, chegando aos 22 pontos e embolando ainda mais a disputa por uma das quatro vagas.

Já o Águia, com o empate, chegou a 16 pontos e deixou, ao menos momentaneamente, a zona de rebaixamento, assumindo a 8ª posição e empurrando o Treze-PB, que ainda joga nesta segunda e tem uma vitória a menos, para o Z2. O lanterna ainda é o Crac-GO, com apenas 10 pontos.

O CRB agora já se prepara para mais um grande desafio, encarando o Salgueiro no próximo fim de semana, e na casa do adversário, em duelo de seis pontos. Para este compromisso, o técnico Ademir Fonseca não poderá contar com o meia Éder, que recebeu o terceiro cartão amarelo, voltando a contar, em compensação, com o volante Glaydson Almeida, que cumpriu suspensão.

O Azulão, por sua vez, vai para mais um jogo longe de seu torcedor, desta vez na Arena Pantanal, contra o Cuiabá.

Clementino deixa sua marca

O torcedor regatiano compareceu em bom número e o Galo, como não poderia deixar de ser, partiu para cima do time visitante logo no início da partida, dominando as ações e criando boa chance aos 14 minutos, quando o volante Johnnattan tabelou com Clementino, fintou o zagueiro e chutou forte da entrada da área. O goleiro Bruno caiu no canto direito e espalmou para escanteio.

Dois minutos depois, foi a vez de Clementino dominar pela esquerda e abrir espaço para o chute, vendo o goleiro Bruno, no centro da barra, mais uma vez espalmar para escanteio.

O Galo chegava bem pela esquerda, no avanço do lateral João Victor, mas não tinha variação de jogadas, além de não acertar o último passe, cedendo, por vezes, espaço para o perigoso contragolpe do Azulão, como aos 30 minutos, quando Aleílson recebeu pela esquerda e chutou forte. Júlio César saltou no canto direito e fez grande defesa, pondo para a linha de fundo.

O jogo chegou a perder em emoção, quando o Galo voltou a chegar aos 37’. O meia Éder deu belo drible de corpo pela direita e chutou de bico, na saída do goleiro, mas na rede pelo lado de fora, à esquerda de Bruno.



E de tanto insistir, o Galo – que voltou a contar com o artilheiro Magrão, que cumpriu suspensão pelo terceiro amarelo – acabou premiado no final, já aos 45 minutos, quando Diego Clementino dominou no centro da grande área, errou no primeiro chute, mas acertou o segundo, mandando a bola, rasteira, no cantinho esquerdo de Bruno, sem chance para o goleiro: 1x0.

Galo vacila

O jogo seguiu o mesmo na etapa complementar, com o Galo criando boa chance logo aos oito minutos, quando Jeferson Maranhão dominou pela direita, fintou dois e chutou forte de muito longe, percebendo o goleiro adiantado. A bola pegou efeito e passou raspando o travessão.

Já aos 21’, Ademir Fonseca, insatisfeito, processou sua primeira mudança, com Clebinho entrando no lugar de Jeferson Maranhão. E foi dos pés de Clebinho que saiu outra oportunidade, dois minutos depois, quando o meia recebeu pelo centro, mas acabou desarmado na hora ‘h’, com Paulo Sérgio pegando a sobra pela direita e cruzando rasteiro. Já deitado, Bruno afastou o perigo com um soco na bola.

Como quem não faz, leva, o Águia acabou chegando ao empate, aos 25 minutos. A defesa regatiana vacilou e a bola sobrou para o atacante Aleílson, que, livre de marcação, chutou na saída do goleiro Júlio César, que ainda tocou a redonda, vendo a bola estufar a rede à sua esquerda: 1x1.

O Galo sentiu o gol. Ainda teve Eder, amarelado, saindo para a entrada do atacante Geovane, além de Diego Rosa assumindo o posto de Diego Clementino no setor de meio-campo. O CRB então partiu para cima, já na base do tudo ou nada, mas também esbarrou no nervosismo, desperdiçando ao menos três chances de confirmar a vitória diante de um Águia que soube se fechar nos minutos finais.

Numa delas, já aos 48’, após cruzamento da direita, o lateral João Victor ajeitou de cabeça para Magrão, que, na pequena área, de frente para o gol, conseguiu cabecear para fora, á esquerda do goleiro Bruno.

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Juiz relata ofensas de 'Sheik' a ele e à CBF após jogo

REPRODUÇÃO ESPN
Árbitro relatou na súmula ofensas de 'Sheik' (foto), que atacou também a CBF, e Julio Cesar
Árbitro relatou na súmula ofensas de 'Sheik' (foto), que atacou também a CBF, e Julio Cesar
O Botafogo pode pagar um preço alto no STJD pelos atos de indisciplina de seus jogadores na derrota de virada por 3 a 2 para o Bahia, na quarta-feira. Na súmula do jogo, o árbitro Igor Junio Benevenuto relatou as ofensas de Emerson 'Sheik' contra ele e à CBF e ainda as de Julio Cesar, expulso depois do apito final.
"... Cumpre informar que o referido atleta havia sido advertido anteriormente por reclamação ao proferir as seguintes palavras a mim: "apita essa p...!". Após ser expulso, o mesmo veio em minha direção e proferiu as seguintes palavras:"safado, sem vergonha, você é um merda, vagabundo, não apita nada! [SIC]", escreveu Benevenuto ao justificar o cartão vermelho ao atacante, aos 14 minutos do segundo tempo.
Ao sair de campo, 'Sheik' foi direto a uma câmera de TV posicionada na lateral e reclamou da CBF, algo que o árbitro da Federação Mineira também colocou no documento da partida.
"... Informo ainda que ao se retirar de campo, o mesmo foi em direção à câmera de tv e proferiu as seguintes palavras: "a cbf é uma vergonha, uma vergonha!", fato observado e relatado a mim pelo quarto árbitro da partida sr. raphael silvano ferreira silva que estava próximo ao referido atleta [SIC]."
Antes, quando tomara o amarelo por reclamação, 'Sheik' já havia se virado para a mesma câmera e dito a seguinte frase: "CBF, essa é pra você."
Já sobre Julio Ceesar, Benevenuto escreveu: "Ao término da partida, expulsei com cartão vermelho direto o atleta de número 26, sr. julio césar coelho de moraes por vir em minha direção batendo palmas e proferindo as seguintes palavras: 'você é uma vergonha, agora pode vestir a camisa do bahia, safado!'. Após ser expulso, o mesmo continuou proferindo as seguintes palavras: 'fiho da p..., safado, vagabundo, sem vergonha. você tem é que apitar a série c'."
O árbitro ainda justificou a expulsão do peruano Cachito Ramírez, único que, segundo a súmula, não o ofendeu. "Expulsei com cartão vermelho direto, aos onze minutos do segundo tempo o atleta de número 14, sr. luís alberto ramirez lucay da equipe do botafogo f. r. , por atingir com um tapa o rosto de seu adversário de número 8 , na disputa de bola."
O artigo 243-F do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) diz:
Ofender alguém em sua honra, por fato relacionado diretamente ao desporto.
Pena: multa de R$ 100,00 (cem reais) a R$ 100.000,00 (cem mil reais) e suspensão de uma a seis partidas, provas ou equivalentes, se praticada por atleta, mesmo se suplente, treinador, médico ou membro da comissão técnica, e suspensão pelo prazo de quinze a noventa dias, se praticada por qualquer outra pessoa natural submetida a este Código.
Com os relatos da súmula, a procuradoria do STJD pode oferecer denúncia, e o Botafogo, após julgamento, pode perder seus jogadores, no caso 'Sheik' e Julio Cesar, por várias partidas, um problema a mais na luta contra a degola.
Com a derrota no Maracanã, o time do técnico Vágner Mancini segue com 22 pontos, caiu para a 17ª posição e, consequentemente, entrou na zona de rebaixamento, ficando um ponto atrás do Bahia, primeiro fora.
Fonte: ESPN